March 16, 2007

E pode ser assim...




Tu eras também uma pequena folha
que tremia no meu peito.
O vento da vida pôs-te ali.
A princípio não te vi:
não soube que ias comigo,
até que as tuas raízes
atravessaram o meio peito.
Se uniram aos fiosdo meu sangue,
falaram pela minha boca,
floresceram comigo.

(Pablo Neruda)

2 comments:

Vivi said...

Foto linda, metade da minha percepção sobre o amor.

Anonymous said...

Não entendi..a fotografia passa pela sua percepção sobre o amor?..por quê?
Roberta