April 18, 2006

Anna Lygia me comentou.

"Não haverá borboletas se a vida não passar por longas e silenciosas metamorfoses".
Rubem Alves.

Concordo plenamente com ele, enbora tenha algumas ressalvas a seu respeito.

Os comentários provocam reflexões novas, mais introspéctivas ainda.
Reencontrar pessoas também me faz refletir, me faz pesar o que se foi.
Me faz ter certeza de que foram acertadas as decisões que tomei.
Santo e sagrado tempo, lenitivo para todas as dores e recompensa para as atitudes acertadas. Como é bom saber que eu era feliz e sabia aproveitar daqueles momentos.
Estou falando de um período relativamente distante da minha vida. Algumas experiencias foram duras, tive que engolir minha arrogância. Eu Cresci, Aprendi Muito. Mas falta tanto ainda!!!!Que bom, não é?

Leonardo Rodrigues. É uma alegria saber de você, saber que estás bem. Que continua a mesma peça rara de sempre. Tão arrogante quanto eu.
Acho que você é a única pessoa muito parecida comigo que eu gosto de verdade.
Mas não empolga não!
Obrigada pela conversa regada a sorrisos!

3 comments:

Anonymous said...

Melhorou...

Taiana said...

o que mais assusta, o fato de ter que mudar para tornar-se melhor ou a dor, por ter que abandonar certos habitos que gostamos para termos novas atitudes?

não sei... mas tudo e mais um pouco. Afinal são esses momentos que nos torna seres humanos.

Anna Lygia said...

Ahahahah!!! Gostei de ser citada no novo post! Mas lembre-se de que o tempo não eh fexível, mas nossas decisões e caminhos, sim! Permitir-se experimentar isso tb nos faz crescer!

"A verdadeira arte de viajar"

A gente sempre deve sair à rua como quem foge de casa,
Como se estivessem abertos diante de nós todos os caminhos do mundo.
Não importa que os compromissos, as obrigações, estejam ali...
Chegamos de muito longe, de alma aberta e o coração cantando!

Mário Quintana