October 26, 2007

Frenesi

Estava andando pelas ruas frias... pouco havia parado de chaver quando o encontrei, já nos conheciamos, assim, de oi! Nos olhamos e nos vimos profundamente, aquele olhar, de ver, nunca nos havia acometido. Sim, foi um acometimento. Aquele lindo olhar sorrindo pra mim. Tudo o que era de vidro em mim se desfez. Senti o amor se aproximando e tudo em mim se transformando. Senti que havia razão de ser os seres que respiram. Não vi mais nada, submergi em meio às brumas do encantamento. Nos encantamos um pelo outro. Encontro. Tocou minha mão, não dissemos nada. Beijou minha face esquerda no silêncio da noite. Senti o mundo girando, meu corpo enfraquecer. Fui tomada. Seguências rápidas. Acordei.

3 comments:

lalá! said...

Senti um frenesi!!!
lalinhda!

** Heart and soul ** said...

quanta fricção!!!
lindo!!!
beijinhos

Fabiana said...

É sempre assim no melhor momento acordamos e encaramos o travesseiro babado e a realidade desinteressante do lado de fora